Redatoria: Comunicação Digital Inteligente e Personalizada

Digital

5 tendências de marketing digital para 2019

Por: Redatoria Comunicação Digital - Publicação: 2 de janeiro de 2019
5 tendências de marketing digital para 2019

O marketing digital está sempre em evolução e em de 2019 não será diferente. As maiores tendências para este ano já podem ser vislumbradas com base no que se viu em diversos encontros e palestras no Brasil e no mundo em 2018.

O mundo moderno abraçou de vez o uso das tecnologias no cotidiano e, paralelamente, o marketing digital abriu bastante espaço e gerou grandes impactos na maneira das marcas se relacionarem com o seus mais variados públicos.

Destacamos algumas tendências de marketing digital para 2019 para que empresas, estudantes e profissionais possam ter uma referência para se prepararem para as próximas mudanças:
1 – Maior volume de buscas por voz

Um destaque para 2019 para a área de marketing de buscas é o aumento do volume de pesquisas por voz feitas em aplicativos como o Google Assistente, Google Home, Alexa e Siri. De acordo com o site Thee Design, hoje, dos 3,5 bilhões de buscas feitas no Google diariamente, cerca de um terço são pesquisas feitas por voz. Um volume de pesquisas tão grande assim estará na mira das tendências de marketing digital para o ano que vem.

As buscas por voz apresentam uma estrutura semântica bem diferente das pesquisas realizadas por digitação em smartphones e desktops. Por isso, é necessário adaptar a sua estratégia de SEO para este tipo de pesquisa no intuito de não perder o tráfego destas buscas na internet.

Uma forma de fazer isso é tornar as expressões de pesquisa mais conversacionais e menos semelhantes às pesquisas digitadas. Use expressões-chave faladas ao invés das palavras-chave pré-definidas em pacotes de expressões que já estamos acostumados a utilizar.

2 – Maior uso de inteligência artificial na comunicação

Se em 2018 as marcas começaram a experimentar aplicações de inteligência artificial (AI) e aprendizado de máquina (ML), 2019 será o ano em que elas entrarão com tudo. O valor da eficiência aprimorada, o aumento da produtividade e a maior satisfação dos clientes já são efeitos sentidos claramente por empresas que já aplicam este tipo de tecnologia nos negócios.

Os chatbots, por exemplo, são ferramentas de respostas automáticas que conquistaram seu espaço no mundo online, e é esperado que eles se tornem mais populares e acessíveis no futuro. De acordo com um relatório publicado pelo site Grand View Research, o mercado mundial de sistemas de chatbots é de US$ 1,2 bilhão, com uma taxa de crescimento anual de 24%. Em função da economia e da agilidade destes sistemas, estima-se que nos próximos cinco anos cerca de 80% das comunicações comerciais entre clientes e empresas serão realizadas por chatbots.

O fluxo de trabalho digital também se tornará mais fácil, já que soluções com tecnologia AI de fácil implantação serão disponibilizadas para mais empresas que buscam maximizar suas rotinas. Agências de mídia, por exemplo, podem otimizar campanhas de publicidade pagas para seus clientes usando algoritmos inteligentes para analisar o desempenho de campanhas. Com testes A / B automatizados e algoritmos que se atualizam em tempo real, melhorias necessárias podem ser feitas dinamicamente para aumentar o ROI de marketing. No mundo corporativo, as empresas de softwares já oferecem soluções para automação e fluxo de trabalho orientadas por inteligência artificial que melhoram drasticamente as operações digitais em serviços de saúde, bancos, seguros e outros.

3 – Estratégias de SEO ganham ainda mais destaque

Outra tendência é a maior valorização do trabalho de SEO (“Search Engine Optimization”, na sigla em inglês, ou “Otimização de Sites para Ferramentas de Busca”, traduzido), responsável pela exposição orgânica de uma marca nas páginas de resposta dos grandes sites buscadores.

Em tempos de custos crescentes em mídias, a exposição orgânica ganha cada vez mais importância entre profissionais de marketing digital, pois além da redução dos custos com mídias pagas, o tráfego de busca orgânica é extremamente qualificado.

As tendências de SEO vêm sendo aprimoradas muito rapidamente na medida em que as revisões do Google se tornaram mais frequentes para se adaptarem a novos hábitos dos consumidores e às novas tecnologias que sempre surgem. Para 2019, espera-se um uso mais intenso de ferramentas SEO sofisticadas para ajudar no processo de pesquisa de palavras-chave mais relevantes e no monitoramento de posições, já que o número de variáveis que determinam o posicionamento cresce de forma acelerada.

4 – Emprego ainda maior de influenciadores digitais

Os influenciadores digitais conquistaram seu espaço como divulgadores e promotores das marcas, e uma das tendências do marketing digital para 2019 na área de redes sociais é que eles se tornarão cada vez mais presentes em campanhas online.

Pesquisas comprovam que as pessoas levam muito mais em consideração as recomendações de produtos e serviços de uma outra pessoa do que as indicações feitas por um anúncio. É justamente nesta posição que se encontram os influenciadores digitais. Este é um mercado que cresce bastante no Brasil e no mundo, ao mesmo tempo em que se torna mais competitivo e profissionalizado. A popularidade nas redes sociais de alguns dos maiores influencers no Brasil hoje já é obtida com base em muita técnica e investimento.

Contudo, o marketing de influência não deve ficar apenas restrito aos perfis com milhares de seguidores na internet. Em 2019, a tendência é o emprego maior dos “micro influenciadores” – aqueles que têm um número menor de seguidores, mas são bastante relevantes em um determinado nicho de mercado.

5 – Vídeos aumentam o tráfego da Internet

Há alguns anos atrás, o Washington Post previu que o vídeo representaria quase 80% de todo o tráfego da internet até 2019. Isso faz muito sentido, porque a atenção média das pessoas é curta, fazendo com que elas prefiram assistir a um vídeo do que ler uma longa postagem de blog, por exemplo. As próprias redes sociais, por meio dos seus algoritmos, vêm favorecendo o alcance de conteúdos nesse formato.

Tendo isso em mente, as marcas têm publicado com frequência vídeos de eventos ao vivo ou imagens de bastidores. Elas criam conteúdo de dicas e truques em vídeo, ou qualquer outro assunto relacionado aos produtos e serviços da marca. Porém, elas devem tomar cuidado, pois o marketing de vídeo só é bem-sucedido se fornecer aquilo que os consumidores querem, como e quando eles preferirem.

Neste ano, os feeds de vídeo ao vivo continuarão a explodir, mas o verdadeiro diferencial daqui em diante será a originalidade. O vídeo interativo e o marketing de vídeo imaginativo, que estimulam o engajamento do usuário, superarão rapidamente os vídeos em formatos mais tradicionais. Os consumidores ficam entediados rapidamente. Logo, as marcas que forem criativas ao usarem o vídeo para engajar e animar os usuários serão as vencedoras.

Quer uma ajudinha para aplicar na prática essas tendências? Converse com a gente 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redatoria

Empresa especializada em produção de conteúdo, gerenciamento de redes sociais e marketing digital.

Rua da República, 48, Sala 201 - Cidade Baixa – Porto Alegre
(51) 3103-5028 | redatoria@redatoria.com

Design e Desenvolvimento por Brava Digital